A musculação como um “mal necessário”

2
62
A musculação como um “mal necessário”
Spread the love

Já repararam que, quando começamos a fazer algo que é necessário, mas que não gostamos tanto, passamos a vê-lo com outros olhos, desenvolvendo até um carinho por tal atividade? Eis a musculação. 

Eu mesma, sempre gostei de certas atividades físicas, mas nunca muito de musculação. Sempre fiz meio que na “obrigação”, sabe? Nada muito prazeroso. Porém, algumas consultas médicas já constataram que, para levar adiante algumas atividades que gosto (como a corrida, por exemplo), seria necessário fortalecer meus músculos, especialmente os joelhos. Nesse caso, a musculação tornou-se um “mal necessário”, pelo qual aos poucos fui tomando gosto. Hoje em dia já gosto mais, ou pelo menos tenho aprendido a gostar, sofrendo menos na hora de praticar, e indo mais feliz para a minha próxima atividade. Bem aquela situação onde se aplica a famosa frase “aceita, que dói menos”, então o jeito é aceitar que ela é necessária e tornar esse momento menos doloroso possível.

Nessas horas, tentamos também ver o que isso tem de bom. Embora eu não curta quando a academia está cheia, ter que revezar aparelhos a toda hora, e tudo mais…por outro lado, não deixa de ser uma oportunidade de socializar mais, o que não é nada mal. Selecionar uma boa playlist também ajuda, e eu tenho já as minhas musicas queridinhas para essa atividade.

Para dar um Up, sempre tenho um bom pré-treino, e alguns suplementos que ajudam. Isso pode ser assunto para outro post, caso vocês queiram. Mas é isso, com certeza passamos a gostar mais, quando se torna algo necessário. Aprendemos a gostar, e mais um bom motivo para isso é focar no resultado que você quer atingir. Focou?

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui